Baile do MET 2018

Informação: Este blog espera ansiosamente pelo Baile do MET todos os anos! E só escreve sobre seus looks favoritos. Dito isso, vamos a cobertura de mais um evento para o qual esta blogueira também não foi convidada e não se importa. 🙂

O tema deste ano é Corpos Celestiais: Moda e Imaginação Católica onde alguns convidados se inspiraram na era Bizantina, o Império Romano do Oriente, com afrescos e mosaicos coloridos em dourado, verde e vermelho. Outros na era Medieval, época das cruzadas, sendo a grande maioria inspirada na era Renascentista, ali no meio do século 14 até o final do século 15 para o 16 quando a Igreja Católica era a maior instituição mais poderosa do mundo.

Primeiramente #ForaTemer  vamos falar da dona e proprietária do Baile deste ano. O que era @blakelively naquele Versace majestoso? Quem lembra das aulas de história sabe que a realeza e os papas na época do Renascimento só usavam vermelho. E Blake, rainha como ela é, investiu num vestido carmesim (carmersin é uma cor) sendo a cauda inspirada nas tapeçarias europeias. Achei dramático estilo Scarlet O´Hara, achei hollydwoodiano, achei digno de diva, achei simplesmente o MELHOR!  Lindíssima!

Nossa amada @badgalriri arrasou muito. Uma das anfitriãs da festa, Riri foi vestida de Papisa, para mostrar que no Baile do MET ela é autoridade máxima. O conjunto assinado pela Maison Margiela traduziu muito bem o tema deste ano! O Papa é Pop!

E quem diria que @lanadelrey faz parte da Santíssima Trindade do indie? Laninha subiu as escadarias do MET ao lado de Jared Leto e Alessandro Michele, diretor criativo da Gucci. Amei as coroas, os bordados em dourado e principalmente esse azul celeste. Uma obra de arte neo barroca! ❤

@KatyPerry também deu o ar de sua graça e foi uma das mais criativas ao lado de Blake, Riri e Lana. Adorei as asas de anjo acopladas ao vestido dourado Versace. Criativo, ousado e cool como a Katy. ❤

@katyperry wears custom @versace. #MetGala #MetGala2018 (📷: @andrewhwalker)

A post shared by WWD (@wwd) on

Meu mais novo girl crush @zendaya foi trabalhada em vibes Joana D´Arc. O vestido Atelier Versace com detalhes de armadura medieval combinados a uma peruca ruiva é digno de rainha. A Joana real oficial era ruiva de verdade e disse ter sido instruída por Deus para liderar o exército francês na Guerra dos Cem Anos. Ela cortou os cabelos, se disfarçou de homem e venceu muitas batalhas. Ao ganhar a confiança do rei foi alvo de inveja e começaram uma conspiração para derruba-la e assim o fizeram. Quando foi capturada e vendida aos Ingleses foi acusada de feitiçaria e morreu queimada viva. Zendaya a homenageou por ser uma mulher forte e que lutou pelo o que ela acreditava. #GRLPOWER 

🗡

A post shared by Zendaya (@zendaya) on

Joan of Arc. Very much in it at this point.

A post shared by Zendaya (@zendaya) on

Esses foram os meus favoritos do baile deste ano. Dignos de realeza por traduzirem o tema do baile com criatividade e talento. Tivemos outros destaques também como as Kardashians, que foram vestidas com o mais do mesmo. Gisele, que esse ano errou feio no vestido, mesmo sendo um Versace. Tivemos Cardi B fazendo vibes Beyoncé no Grammy de 2017 , também teve Selena Gomes carregada no brozant e Emilia Clarke saída da passarela de Dolce e Gabanna. E claro, meu Rei de Wakanda, Chadwick Boseman, sempre muito elegante! Amo todos que mencionei acima mas esse ano elas não arrasaram. #sorrynotsorry

BENÇA, KIM! (pra mim foi o look mais lindo que ela usou num #metgala)

A post shared by Por Thereza Chammas (@fashionismo) on

Same, Travis Scott…SAME. 🔥 (📷: Getty Images)

A post shared by E! News (@enews) on

The #MetGala moment we never knew we needed. (📷: Getty Images)

A post shared by E! News (@enews) on

A vision. Honestly, truly. 👑 photo: @griff_lipson

A post shared by Nylon Magazine (@nylonmag) on

O Baile do MET ou MET GALA acontece todos os anos na primeira segunda-feira de maio e segue a tradição criada por Madame Vreeland nos anos 70. O evento beneficente é realizado para arrecadar fundos para Costume Institute do Metropolitan Museum of Art (MET) em Nova York. Todos os anos o museu abre uma exposição do seu departamento de moda (Costume Institute) e nada mais justo do que abrir a exposição com uma super festa. Anna Wintour, Diretora da Vogue US, organiza o evento junto ao Conselho do Museu que escolhem o tema para o ano da exposição, assim como o estilista/grife que fará as honras no Baile de acordo com o tema. Ser convidada para o Baile do MET deve ser tipo o convite do Oscar: UM SONHO!

Phototastic-16_04_2016_77986de3-a002-4aab-ac8c-09759705a6c5(1)

Oscars 2018

Adoro o Oscar! Quem gosta de cinema sabe como é importante acompanhar a premiação mesmo sem (às vezes) não ter vistos todos os filmes indicados. Eu também adoro o tapete vermelho da premição e printei meus favoritos  enquanto assistia ao #BBB18 (prioridades…) 😉

O Oscar de Vestido da Noite vai para Nicole Kidman! 

dave chappelle oscars 2018 GIF by The Academy Awards

Surprise! 

Estamos falando muito de anos 80 aqui no blog e quem acompanha a industria da moda viu que nos últimos desfiles as belezas e bizarrices daquela década estão com um pé na porta do nosso closet. O longo escolhido pela Nicole se destacou na simplicidade e beleza da peça com um super detalhe, o laço gigante. A cor eu dispenso, tá muito formatura de administração mas ela soube carregar o look com muita elegancia. ❤

Screenshot_20180304-214447.png
Nicole veste Armani Privé

Outro que gostei muito foi o da Jennifer Garner. Estava vaporoso e romântico mesmo parecendo vestido de formatura igual ao da Nicole. Usaria em nude, millenium pink ou em branco mas acredito que o azul destacou mais a beleza dela.

Screenshot_20180304-215048.png
Jennifer Garner veste Atelier Versace

Jennifer Lawrence escolheu um vestido bordado com paêtes dourados super simples e ao mesmo tempo super cool. Traduziu bem sua personalidade e ornou bem com o make e cabelo. Aprovadíssima ❤

Screenshot_20180304-213101.png
Jennifer Lawrence veste Dior 

Outras adeptas do metalizado foram as atrizes Gal Gadot e Sandra Bullock. Elas também brilharam muito no tapete e na apresentação dos prêmios. Simples e bonitas!

Screenshot_20180304-214652.png
Gal Gadot veste Givenchy 
Screenshot_20180304-214345.png

Sandra veste Louis Vuitton

Sou apaixonada pelos looks da Lupita Nyong´o desde 2014 quando ela fez seu debut no Oscar. O que era aquele vestido de princesa azul celeste? Meu sonho de consumo! E desde então, Lupita mora no meu coração. Esse ano não poderia ser diferente, ela escolheu um super metalizado com direito a ombreira e destaque para o adereço na cabeça, beeem anos 80 e tudo! Curti muito!

Screenshot_20180304-215011.png
Lupita veste Atelier Versace

Emma Stone escolheu um look diferente para a festa. Não odiei mas também não gostei. Na verdade mesmo achei insosso, acredito que o Oscar é um evento black tie  e um longo por mais simples que fosse cairia bem melhor. Mas quem sou para dizer o que os outros devem vestir não é mesmo? Ela estava bonita do mesmo jeito 🙂

Screenshot_20180304-214039.png

Emma Stone veste Louis Vuitton

Esse ano o Oscar não foi ostentação, não vi vestidos bufantes e bafonicos mas sim uma moda mais prática e elegante que vai do tapete vermelho ao after party .

Fotos: reprodução

Phototastic-16_04_2016_77986de3-a002-4aab-ac8c-09759705a6c5(1)

 

Beyoncé 2018

Ainda falando sobre como música e moda andam juntas resolvi criar uma categoria para minha rainha, Beyoncé. Ela que sempre foi um ícone de beleza e representatividade para mim desde Independent Woman (2000) chamou minha atenção pelas escolhas dos looks  na temporada do Grammy 2018. #arrasou

E para isso, vamos relembrar daquele prêmio de Fashion Icon do Council of Fashion Designers of America Awards (CDFA) em junho de 2016 por sua contribuição na industria da moda americana. Para a ocasião ela escolheu um terno Givenchy e completou seu look com um chapeu de aba larga recriando seu look de Formation. #SoReckless!

Resultado de imagem para beyonce cdfa

Fashion Icon 2016: Beyoncé e Diane von Furstenberg

Podemos dizer Lemonade (2016) foi um divisor de águas no figurino da Bey? Arrisco dizer que sim. Vimos muitas escolhas ousadas para o que estávamos acostumados, como por exemplo as tranças em Boy Bye e Don´t Hurt Yourself e do vestido bufante de All Nigth que foram os looks que mais se destacaram. Todo o figurino foi concebido pela stylist @Marni Senofonte. 

bey

Queen B em Lemonade (2016)

E agora sete meses após o nascimento dos gêmeos, Sir e Rumi Carter, Beyoncé retorna poderosa no feat de Family Feud com o maridão Jay Z. E nada grita mais poder do que uns bons couture para ouvir as confissões do amado. Os looks também são assinados pela stylist Marni Senofonte, sendo o vestido azul da marca Ayanna James  pelas mãos da talentosa @thatsayannaj e pretinho nada básico de @sthephanerolland_paris. 

A post shared by Beyoncé (@beyonce) on

A post shared by Beyoncé (@beyonce) on

E eu não sei se vocês já perceberam mas várias marcas internacionais estão trazendo de volta os ombros marcados, muita prata e dourado e silhuetas bufantes numa releitura pós moderna dos anos 80. Digo pós moderna porque pela primeira vez eu achei chique de verdade, como se fosse um certificado da mulher empoderada dos anos 2010. Talvez eu fosse muito nova para entender em 1990 as roupas que minha mãe usava, e talvez imatura demais em 2010 quando as ombreiras tentaram um come back. Mas agora aos 30 mudei completamente de ideia e gostaria de uns looks vintage de YSL Rive Gauché 😉

ombreiras_1980_1993

É ombreira que você quer, @?

Claro que muitas das roupas parecem datadas e cafonas, mas ainda sim, há um certo brilho na nostalgia dos anos 80. Uma saudade do prazer de se vestir para causar, para chamar a atenção. A verdade é que estão tentando emplacar as ombreiras há muito tempo e talvez agora seja a hora. Se depender da curadoria de Marni para os looks pré Grammy da Beyoncé, os anos 80 já estão na moda (de novo).

Diamond Ball_ROC NATION

Vestido costumizado por Ralph e Russo: Diamond Ball 2018

bey_ custom gown by Azzi and Osta Couture

Vestido costumizado por  Azzi and Osta Couture e Boina de Eugenia Kim para Festa de Gala de Clive Davis

A-M-EI essa costumização de vestido assimétrico com meia arrastão e boina de couro. Esse je ne se quoi dos jovens franceses em 1968 é maravilhoso! ❤ ❤ ❤

E para fechar com chaves de ouro e muitos diamantes, Beyoncé é a própria encarnação dos desfiles de alta costura dos anos 80 com esse look de princesa dos Panteras Negras. All Power to the People! 

Nicolas Jebran

Vestido costumizado por Nicolas Jebran para o 60th Grammy

Resultado de imagem para beyonce grammy 2018

The Carters – 60th Grammys

Se em 2017 usamos quase tudo que os anos 90 teve de melhor, em 2018 é só uma questão de tempo até as ombreiras fazerem seu retorno triunfal. Quem viver, verá!

Fotos/Vídeo: reprodução

Phototastic-16_04_2016_77986de3-a002-4aab-ac8c-09759705a6c5(1)

Grammy 2018: Lady Gaga

Uma imagem vale mais que 1000 palavras e nesse quesito Lady Gaga é profissional. E esse ano ela voltou com tudo, com um super Armani Privé cheio de drama e digno de uma super diva. Adorei o fato de que o ” vestido” é um macacão e a saia é só para causar impacto. Amei que ela se manteve fiel aos seus coturnos meia pata e aquele carão de sempre.

Resultado de imagem para lady gaga grammys 2018

Armani Privé 

image (1)

Detalhes do Penteado com trança de fio ao invés do cabelo ❤ 

Nossa Gaga foi indicada aos prêmios de “Melhor Álbum Pop”, por “Joanne”, e “Melhor Música Pop”, por “Million Reasons”, mas perdeu ambas para Ed Sheeran. 😦

 

Fotos/Video: reprodução

Phototastic-16_04_2016_77986de3-a002-4aab-ac8c-09759705a6c5(1)

 

Grammys 2018

Domingo é dia de nós meros mortais ficar em casa vendo o Fantástico? Não, é dia de tapete vermelho e shows de graça na TNT! E enquanto acompanhamos verdadeiros hinos no conforto do nosso lar, vamos falar do tapete vermelho por motivos óbvios de que música, moda e resistência andam lado a lado e Chez Erika ama tudo isso.

Não sei se já deu para perceber, mas gosto muito de artistas internacionais, uma herança do tempo que estava no cursinho de inglês e cresci ouvindo e vendo Britney, BSB, Cristina Aguillera, N´Sync e Destiny´s Child. Mas meu fraco mesmo são músicas de Hip-Hop, Gangsta Rap e R&B mas meu coração é do pop. Dito isso, segue meus preferidos dessa noite 🙂

Quero um terninho desse igual da Eve ❤

Uma das minhas musas: Lana Del Rey de Gucci

P!nk de Armani Privé

Rainha do Twitter: Chrissy Teigen de Yanina Couture

Haille Steinfeld de Alexander Vauthier

60th Annual GRAMMY Awards - Red Carpet

Revelação de 2018: Cardi B de Ashi Studio

Katie Holmes: Betty Boop inspired ❤

Anna Kendrick ❤

Os Grammys que estão em sua 60ª edição é um dos tapetes vermelhos mais democráticos, tem para todos os gostos. Um salve para meu amado Kendrick Lamar, um dos melhores artistas da atualidade e que fez abertura da premiação com ninguém menos que U2 ❤

 

Fotos/Video: reprodução

Phototastic-16_04_2016_77986de3-a002-4aab-ac8c-09759705a6c5(1)

75th Golden Globes

Amamos Ano Novo, por quê?

Porque começam os tapetes vermelhos que Chez Erika ama! É Golden Globes, é SAG, é Oscar e eu simplesmente adoro ver as séries, os filmes e claro, os vestidos e todo glam dos prêmios.

Em 2018 as estrelas combinaram de ir todos de preto, homens e mulheres, e usar a hashtag #timeisup como forma de protesto contra o assédio sexual sobre as denuncias feitas ao produtor Harvey Weinstein, ao ator Kevin Spacey e alguns outros. A noite trouxe Jennifer Aniston e Angelina Jolie no mesmo evento depois de quase década, trouxe discursos politizados e acima de tudo muito EMPODERAMENTO – assim mesmo em negrito – que foi lindamente traduzido pela maravilhosa Oprah Winfrey, a homenageada da noite com o prêmio Cecil B. DeMille.

E que mulher não fica empoderada usando um Litte Black Dress?  Aqui estão as minhas escolhas de vestidos pretos indefectíveis que deram conta do recado e re-escreveram a história do pretinho básico.

Golden Globes1

Viola Davis, Tracee Elis Ross e Nicole Kidman

New Phototastic Collage

Margot Robbie, Dakota Johnson e Katherine Langford

3

Catherine Zeta-Jones e Kate Hudson

E os meus eleitos como melhores da noite são:

DS-mddJVwAAPkOY.jpg-large-620x822

É fada que fala, Diane Kruger?

Acho incrível como a Diane consegue arrasar em todos looks e em todos os tapetes vermelhos. Não tem um evento desse que ela não tenha sido eleita uma das mais bem vestidas. Amo demais as combinações que ela faz, e esse Prada, saído direto de um conto de fadas com direito a capa e tudo fez meu coração pulsar mais forte! ❤ ❤ ❤ ❤ ❤

75th Annual Golden Globe Awards - Arrivals

Saoirse Ronan não tá vibes Cate Blanchet? 

A atriz Saoirse Ronan parece ser novata mas já tem muito tempo de estrada. Quem lembra dela como aquela menina pentelha de Desejo e Reparação (2007)? Pois é, ela cresceu e já levou seu Globo de Ouro de Melhor atriz por Lady Bird. Adorei o Atelier Versace estilo anos 80. ❤ ❤ ❤

E o meu favorito mesmo foi a linda Zoe Kravitz, simples, plena e moderna.

Zoë-Kravitz-2018-Golden-Globes

É Mia Farrow que você quer?

O vestido não tinha nada demais,  é um tomara que caia com sandália mas o corte de cabelo ornou com tudo. Amei demais ❤ ❤ ❤ ❤

E claro, esse hino de mulher chamado Oprah Winfrey!

Capturar

” O que eu sei com certeza é que falar a SUA VERDADE é ferramenta mais poderosa que nós temos”

E as mulheres pioneiras do movimento Time Is Up que sem duvida fizeram história ontem, 07.01.2018!

Capturar2

#timeisup – Golden Globes 2018

Já estamos esperando o Oscar 2018!

Fotos: reprodução

Phototastic-16_04_2016_77986de3-a002-4aab-ac8c-09759705a6c5(1)